Acesso Associados       Contato
 
Notícias

Com apoio do Estado, Irati recebe unidade do Erasto Gaertner

 

saO governador Beto Richa participou nesta sexta-feira (27) da inauguração de uma unidade do Hospital Erasto Gaertner em Irati, no Centro-Sul do Paraná, e confirmou o repasse de R$ 200 mil por mês do Governo do Estado para a manutenção do serviço.

O ambulatório é a primeira unidade do Erasto fora da capital. “É uma conquista para toda a região. Essa unidade prestará um serviço de qualidade na área de atendimento e tratamento oncológico”, disse Richa. Ele frisou que o ambulatório vai propiciar mais conforto aos pacientes, na medida que evita deslocamentos constantes a Curitiba.

Richa ressaltou que o Hospital Erasto Gaertner é uma referência no tratamento de câncer e mantém várias parcerias com o governo estadual. “O Estado é parceiro do Erasto Gaertner, inclusive na construção de uma área para a oncopediatria, em Curitiba”, disse.

Ele ressaltou o apoio a todos os hospitais públicos e filantrópicos do Paraná, o que inclui os que oferecem tratamento do câncer. “Todos reconhecem essa parceria como imprescindível e muitos dizem que nunca receberam tanto apoio como agora. É o atendimento humano que queremos na saúde pública do Paraná”, afirmou.

ONCOLOGIA – Na área oncológica, o governo mantém convênios com o Erasto Gaetner, na capital, o Uopeccan de Cascavel e o Hospital do Câncer de Londrina. Todos recebem R$ 200 mil mensais em incentivos de custeio. Além disso, foram destinados R$ 12 milhões para obras e equipamentos do Hospital da Uopeccan de Umuarama.

saEm Londrina, o Hospital do Câncer já recebeu R$ 5,2 milhões para ampliação. Ainda serão destinados mais R$ 3 milhões para obras na unidade. O governo também deve apoiar a instalação de um serviço público de oncologia em Ponta Grossa.

“Isso mostra o grande acerto da política de apoio a hospitais públicos e filantrópicos que implantamos em 2011 e que salva e melhora a vida das pessoas. É por isso que a saúde do Paraná é diferenciada, porque temos parcerias”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto.

SUPORTE – Segundo Caputo Neto, os atendimentos do Erasto Gaertner são 97% SUS e o ambulatório de Irati fará procedimentos de triagem, quimioterapia oral, acompanhamento pós-operatório e outros serviços de média complexidade.

O superintendente do Hospital, Adriano Lago, destacou a importância do apoio do Governo do Estado. “Contamos com os recursos para ajudar no custeio de oncologia, que nos dá suporte para o dia a dia da nossa matriz, de Curitiba, e agora mais este repasse mensal para a estrutura de Irati”, disse.

Ele explicou que Irati foi escolhida para receber a unidade do interior porque o hospital constatou, em levantamento, que o município é um dos que mais faz encaminhamentos de pacientes a Curitiba.

Para o prefeito Jorge Derbli o atendimento local é imprescindível, devido ao número de pacientes que precisam se deslocar até Curitiba. Atualmente, 200 pessoas recebem tratamento na capital. “Agora, com este braço do Erasto, as pessoas que precisam desse tratamento serão beneficiadas”, disse ele.

saO novo ambulatório funciona nas dependências da Associação do Núcleo de Apoio ao Portador de Câncer de Irati e fará, inicialmente, 2.600 consultas por ano. Após o funcionamento pleno, esse número pode ser ampliado para 9.600 consultas por ano. 

A presidente da Associação, Terezinha Miranda Reis, explicou que a entidade faz um trabalho de apoio e assistência social aos pacientes carentes e às suas famílias. “Hoje cerca de 70 pessoas são atendidas pelo Núcleo. Nosso objetivo é amenizar o sofrimento dos pacientes, que precisam se deslocar para outros locais em busca de atendimento”, afirmou.

REDE FEMININA – Na solenidade de inauguração, também tomou posse a nova diretoria da rede Feminina de Combate ao Câncer de Irati. A presidente é Ieda Regina Schimalesky Waydzik.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni; a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa; os secretários da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Artagão Junior; e de Assuntos Estratégicos, Edgar Bueno; a presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer, Cleide Rando; os deputados federais Sandro Alex e Leandre Dal Ponte; os deputados estaduais Alexandre Curi e Marcio Paulik; o presidente da Associação dos Municípios Centro Sul do Paraná e prefeito de Inácio Martins, Edemétrio Benato Júnior, prefeitos da região e vereadores do município.



saApoio à Santa Casa e apoio ao município

O Governo do Estado fortaleceu o atendimento à saúde em Irati com apoio à Santa Casa e aos serviços prestados pelo município. A Santa Casa recebe R$ 3,8 milhões por ano e é referência para a Rede Mãe Paranaense e Paraná Urgência. Também foram destinados R$ 2 milhões para a reforma e ampliação do Pronto-Socorro da Santa Casa e repassada uma ambulância UTI móvel.

A prefeitura de Irati recebeu duas ambulâncias, recursos para ações em vigilância em saúde, construção de uma unidade da saúde da família, para compra de equipamentos da rede básica e para custeio de unidades de saúde.

Fonte: SESA

Voltar

FEHOSPAR
Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviço de Saúde no Estado do Paraná

R. Augusto Stresser, 600 - Curitiba - PR - CEP: 80030-340
Fone: (41) 3254-1772 - e-mail: fehospar@fehospar.com.br

Copyright Fehospar © Todos os Direito Reservados.

hidea.com

Facebook