Acesso Associados       Contato
 
Notícias

Hospital Santa Cruz lança campanha interna de segurança do paciente

O Hospital Santa Cruz, em Curitiba (PR), acaba de lançar uma campanha interna sobre segurança do paciente. Com o objetivo de reforçar as seis metas estabelecidas pela OMS (Organização Mundial da Saúde), a instituição criou a Aliança NSP, uma liga de super-heróis representada por seis mascotes, que luta para garantir a segurança dos pacientes do hospital.

A iniciativa tem como público-alvo os profissionais de saúde, gestores, colaboradores e a pacientes do Hospital Santa Cruz. “Para tornar a comunicação desses princípios mais simples e próxima, resolvemos criar uma narrativa descontraída e lúdica”, explica a Gerente de Marketing da Instituição, Juliane Poitevin.

Na última semana aconteceu o lançamento oficial da campanha, com apresentação para os colaboradores. “O Núcleo de Segurança do Paciente – que dá nome à Aliança NSP -  trabalha para assegurar a qualidade no atendimento aos nossos pacientes e a campanha é mais uma ação para envolver ainda mais a equipe nesta missão”, finaliza a Gerente de Qualidade do Hospital Santa Cruz, Dra. Adriana Blanco. 

Cada personagem representa uma das metas de segurança do paciente, identificados pelas cores de cada meta e com “superpoderes” para executá-las com excelência. A campanha poderá ser vista nas áreas comuns do hospital, no site e nas redes sociais. Conheça a Aliança NSP:

 

Meta 1: Identificação Correta

Agente Vermelha: Para realizar um atendimento correto é necessário identificar corretamente o paciente em todos os momentos. Assim, a Agente Vermelha utiliza sentidos aguçados e uma memória poderosa para garantir o tratamento adequado aos pacientes do Hospital Santa Cruz.

 

Meta 2: Comunicação Efetiva

Agente Amarelo: A comunicação entre todos os envolvidos no cuidado com o paciente é essencial. Por isso, o Agente Amarelo, que adora falar em público e se dá muito bem com todos, trabalha para construir uma comunicação cada vez mais precisa entre os profissionais da saúde.

 

Meta 3: Medicação Adequada

Agente Azul: O uso de medicamentos no ambiente hospitalar deve ser feito de acordo com a prescrição médica e em conformidade com o tratamento do paciente. Encarregado dessa importante missão, o Agente Azul utiliza todos os seus conhecimentos em farmácia para impedir qualquer falha nesse processo.

 

Meta 4: Cirurgia Segura

Agente Roxa: A segurança é essencial nos procedimentos cirúrgicos. Para que a equipe médica evite os riscos que uma cirurgia traz, a Agente Roxa é destacada por sua clareza mental e habilidade médica sem iguais.

 

Meta 5: Práticas de Higiene

Agente Verde: A prevenção de infecções hospitalares requer a implantação de medidas de higiene e monitoramento em todos os âmbitos e espaços onde o paciente é atendido. Obcecado pela limpeza, o Agente Verde procura se certificar de que todas as recomendações de higienização sejam seguidas dentro do hospital.

 

Meta 6: Prevenção de Quedas

Agente Laranja: Os pacientes hospitalizados precisam de acompanhamento para evitar o risco de quedas, principalmente quando ele é aumentado por fatores como idade, condição clínica, entre outros. O Agente Laranja utiliza seus longos braços para prestar assistência e demonstrar aos pacientes as melhores atitudes para se evitar quedas.

Fonte: HSC

Voltar

FEHOSPAR
Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviço de Saúde no Estado do Paraná

R. Senador Xavier da Silva, 294 - São Francisco - Curitiba - PR - CEP: 80350-060
Fone: (41) 3254-1772 - e-mail: fehospar@fehospar.com.br

Copyright Fehospar © Todos os Direito Reservados.

hidea.com

Facebook