Acesso Associados       Contato
 
Notícias

Clínicas psiquiátricas de Londrina rebatem supostas irregularidades apontadas pelo MP

A Clínica Psiquiátrica de Londrina e a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária, considerando as notícias divulgadas nos últimos dias sobre a operação deflagrada pelo Ministério Público, vêm informar, esclarecer e reforçar seu compromisso com a prestação de serviços médicos de qualidade aos pacientes internados nos hospitais, repugnando com veemência as diversas inverdades que vêm sendo divulgadas.

Nos quase 50 anos de existência desses hospitais, os pacientes são diuturnamente acompanhados por equipe multidisciplinar (composta por médicos, enfermeiros, psicólogos, terapeutas ocupacionais, educadores físicos, nutricionistas, fisioterapias, assistentes sociais), que se preocupa com o bem estar, integridade física e psíquica do paciente em todos os seus aspectos, na medida em que trata a doença psiquiátrica que o acomete e proporciona todos os meios necessários para preservar sua higiene pessoal, sua nutrição, seu condicionamento físico, seu relacionamento familiar e social.

Os hospitais prezam pelo tratamento humanizado de seus pacientes, utilizando-se das técnicas adequadas e disponibilizadas pela medicina atual no tratamento da saúde mental, visando justamente a reinserção do paciente no meio social e familiar.

Dessa forma, a Clínica Psiquiátrica de Londrina e a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária NEGAM a existência de irregularidades que visem retardar a alta hospitalar dos pacientes, assim como NEGAM a ocorrência de quaisquer situações de maus tratos aos pacientes e também as demais alegações feitas.

Ademais, a Clínica Psiquiátrica de Londrina e a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária são constantemente (SEMANALMENTE) avaliadas e fiscalizadas por diversos órgãos (COREN, Vigilância Sanitária, Secretária de Saúde, CRM), os quais registram ótimo desempenho destas instituições.

Diga-se que a Clínica Psiquiátrica de Londrina e a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária já foram alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público do Estado do Paraná, sob a alegação de tratamento inadequado e maus tratos à pacientes. Entretanto, nesta ação civil pública foi comprovado que NÃO procediam as alegações do Ministério Público do Estado do Paraná, tanto por meio de prova testemunhal e documental, como por intermédio de perícia realizada pelo Instituto de Criminalística, a qual verificou a boa qualidade dos serviços prestados por estes hospitais. Referida ação foi julgada TOTALMENTE IMPROCEDENTE, já tendo corrido, inclusive, seu trânsito em julgado, ou seja, se esgotaram as possibilidades de recurso.

A importância de trazer à público tais informações objetiva tão somente esclarecer que todas as imputações até então atribuídas à Clínica Psiquiátrica de Londrina e a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária foram totalmente desconstituídas em juízo.

A Clínica Psiquiátrica de Londrina, a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária e seus profissionais investigados repudiam as inverdades invocadas pela Promotoria de Justiça.

Por fim, a Clínica Psiquiátrica de Londrina e a Villa Normanda Clínica Psiquiátrica Comunitária reforçam que estão sendo normalmente prestados os serviços de saúde aos seus pacientes, bem como informam que estão colaborando com as investigações e cumprindo todas as determinações das autoridades competentes para que todos esses fatos também sejam rapidamente elucidados.

 

Londrina, 14 de fevereiro de 2019

 

Clinica Psiquiátrica de Londrina e Villa Normanda

Fonte: Clínicas Associadas

Voltar

FEHOSPAR
Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviço de Saúde no Estado do Paraná

R. Senador Xavier da Silva, 294 - São Francisco - Curitiba - PR - CEP: 80350-060
Fone: (41) 3254-1772 - e-mail: fehospar@fehospar.com.br

Copyright Fehospar © Todos os Direito Reservados.

hidea.com

Facebook