Acesso Associados       Contato
 
Notícias

Posse solene do novo Secretário Estadual de Saúde

O governador Ratinho Junior afirmou nesta segunda-feira (25), na posse solene do secretário Beto Preto, que o Paraná está implantando um “novo olhar” para a saúde e o foco é atender a todos os 399 municípios do Estado. “A saúde teve avanços no Paraná e a meta agora é avançar na regionalização. Agradecemos ao secretário Beto Preto por ter aceitado este desafio de pensar e reestruturar a Saúde do Paraná”, disse o governador Ratinho Junior.

Depois da assinatura do termo de posse, o secretário Beto Preto reafirmou a proposta da gestão na busca da eficiência e transparência, no uso de recursos e qualidade na aplicação das políticas de assistência e atenção à saúde. “Neste momento estamos organizando o Plano de Ação para os próximos anos com a participação de todos os setores da secretaria; estamos fazendo um diagnóstico com várias ações internas e o objetivo é construir um sistema de atendimento na saúde levando mais cuidado e conforto aos paranaenses, este é o compromisso que assumimos aqui e para isso conto com todos os servidores da secretaria”, destacou Beto Preto.

Secretário ao lado do governador e do vice. (Foto: SESA)

Participaram da solenidade de posse, na sede da SESA, cerca de 600 convidados. Estiveram presentes - secretários estaduais, prefeitos, deputados estaduais e federais, autoridades representando municípios, entidades e instituições de saúde e de ensino de todas as regiões do Estado, além de diretores e servidores da SESA. Além do governador Ratinho Junior, também o vice-governador Darci Piana prestigiou a posse solene, a exemplo de alguns secrtetários de Estado e deputados estaduais e federais. O presidente do CRM-PR, Roberto Issamu Yosida, também compareceu à solenidade, a exemplo de representantes da Associação Médica, Federação dos Hospitais (Fehospar) e Conselho Estadual de Saúde, dentre outras organizações.

Verbas para a saúde

Na solenidade de posse foram liberados cerca de R$ 32 milhões para diversas entidades de saúde do estado. São recursos do orçamento do Paraná, repassados pelo Fundo Estadual de Saúde para os Fundos Municipais de Saúde. O repasse, na modalidade Fundo a Fundo, será organizado por meio de nova regra de financiamento assinada pelo secretário Beto Preto, para dar celeridade ao processo.

“Anteriormente os municípios precisavam acessar várias contas e subcontas para chegar até a liberação das verbas. A partir de agora, os repasses acontecerão utilizando apenas duas contas entre os dois Fundos – uma conta para custeio e outra para investimentos. Novas contas foram abertas para todos os municípios e serão movimentadas pelos Fundos Municipais conforme orientação da secretária Estadual da Saúde”, explicou o secretário.

Os recursos serão destinados ao programa de apoio aos hospitais públicos e filantrópicos que atendem pelo SUS (Hospsus), programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde (Apsus), Samu, núcleos de apoio à saúde da família, incentivo de custeio à oncologia, centro de atenção psicossocial e política nacional de atenção integral à saúde das pessoas privadas de liberdade.

 
Prioridades

Ratinho Junior afirmou que as diretrizes para a gestão são investimento em tecnologia, regionalização do atendimento e atenção prioritária às pessoas. “Essa é uma área extremamente importante. Temos o desafio de fazer com que a Saúde esteja mais próxima da população e regionalizar ainda mais o atendimento em especialidades. Esse é o grande problema de municípios: as pessoas têm que andar 100, 200, até 300 quilômetros para consultas”, declarou.

Ele afirmou que o Governo do Estado vai evitar o deslocamento excessivo de ambulâncias com a regionalização e buscará formas de integrar ainda mais os serviços.

“Temos que avançar naquilo que já foi feito e pensar em novas tecnologias para a Saúde. O secretário Beto Preto vem com esse desafio. Queremos inovar, repensar a máquina pública. O mundo se transformava a cada 100 anos. Hoje se transforma de ano em ano ou meses e temos que acompanhar”, afirmou.

Transparência e interação

O secretário Beto Preto destacou a transparência como plataforma de interação com a população e a necessidade de melhorar os consórcios intermunicipais de saúde.

 “Vamos lutar pela construção de um sistema único de saúde que possa levar carinho e atendimento às pessoas, perto de onde elas moram. Vamos falar com transparência. Esse é o compromisso do governador. Vamos garantir serviços mais perto das casas das pessoas e criar uma rede de assistência para contemplar todas as regiões”, afirmou.

Vacinas

O secretário também destacou que o Governo do Estado trabalha para incentivar a vacinação em todas as faixas etárias. “Temos feito conversas com muito respeito com o governo federal. Estamos remanejando as regionais para que não falte aporte da imunização contra a meningite e outras doenças. Vacinar é um ato de amor. Vem aí a campanha da vacinação da gripe e é preciso colocar as cadernetas em dia.”

Beto Preto

Carlos Alberto Gebrin Preto, Beto Preto, 51 anos, é medico, formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), com especialidades em Medicina Nuclear (Instituto Rio Preto/SP); Medicina do Trabalho; Medicina do Trânsito (USP) e Medicina Legal e Perícias Médicas (Santa Casa de São Paulo).

Foi prefeito de Apucarana por duas vezes e secretário municipal da saúde em Apucarana e Califórnia. Foi fundador do Conselho Regional de Medicina (CRM) de Apucarana e Vale do Ivaí, atuando como delegado do órgão por 10 anos; presidente do Conselho dos Secretários Municipais de Saúde do Paraná (Cosems); vice-presidente do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems).

Foi o primeiro Ouvidor Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS), no Ministério da Saúde.

Beto Preto também foi presidente da Associação dos Municípios do Vale do Ivaí (Amuvi) e vice-presidente de saúde pública, na Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e da Associação de Municípios do Paraná (AMP).

Já foi diretor do Hospital Evangélico de Londrina; coordenador médico do SESI (Unidades Apucarana e Arapongas); perito médico federal no INSS e vice-presidente do Sindicato dos Médicos do Paraná.

Confira entrevista com o secretário sobre febre amarela.

Fonte: SESA e AEN/PR

Fonte: SESA

Voltar

FEHOSPAR
Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviço de Saúde no Estado do Paraná

R. Senador Xavier da Silva, 294 - São Francisco - Curitiba - PR - CEP: 80350-060
Fone: (41) 3254-1772 - e-mail: fehospar@fehospar.com.br

Copyright Fehospar © Todos os Direito Reservados.

hidea.com

Facebook